Como escolher a iluminação de emergência certa?

Hoje, existem inúmeros modelos de iluminação de emergência, mas como saber qual é a correta?
iluminacao-de-emergencia-dois-farois
Iluminação de emergência com dois faróis instalada.

Hoje, existem inúmeros modelos de iluminação de emergência, mas como saber qual é a correta?

Bom, antes de saber como escolher, nós devemos entender o que são e como funcionam as luminárias de emergência.

Por que utilizar?

As iluminações de emergência, assim como as placas fotoluminescentes (ver post), são usadas para garantir que em situações de falta energia os ambientes e rotas de fuga se mantenham iluminados, incluindo emergências, incêndios ou catástrofes.

Embora sejam projetadas para calamidades, podemos dizer as luminárias também trabalham evitando acidentes em obra, já que mantêm a iluminação em situações de falta de luz no cotidiano

iluminacao-de-emergencia-em-uso
A iluminação de emergência acende ao detectar a falta de energia na rede.

Escolhendo a iluminação de emergência certa

  • Metragem quadrada do ambiente

Para escolher a iluminação de emergência certa, o primeiro fator a considerar é a metragem quadrada do ambiente em que a iluminação vai ser instalada.

Isto é, quanto maior o ambiente a ser iluminado, maior deve ser o fluxo luminoso (quantidade de lumens) da iluminação de emergência.

tabela-metragem-quadrada-iluminacoes-emergencia
Tabela de abrangência x fluxo luminosos das iluminações de emergência.
  • Pé-direito da estrutura

Também deve ser considerada a altura em que a iluminação de emergência será instalada e o pé-direito da edificação visto que em lugares muito altos a iluminação deve ter quantidade maior de lumens do que em uma situação de pé direito mais baixo.

Fica fácil de entender essa situação quando paramos para pensar que quanto mais alto o prédio ou galpão mais a luz vai se expandir e se dissipar.

Obstáculos no ambiente

Obstáculos no ambiente também devem ser considerados, já que prateleiras, vigas, colunas, paredes, escadas e outros objetos bloqueiam a luz. Então nesses casos deve ser visto uma iluminação que se adapte à situação.

Situações especiais e ambientes externos

Assim como em áreas externas ou com risco de explosão, que exigem graus de proteção especial nas iluminações de emergência.

As luminárias com IP (Graus de Proteção) mais altos como a IP55, IP65, IP66 e IP67 oferecem resistência à umidade e poeira, sendo indicadas para áreas externas ou sujeitas à maresia, por exemplo.

Já as iluminações a prova de explosão, com grau de proteção EXD, são usadas em situações específicas em que a área esteja sujeita a gases voláteis ou explosivos, por exemplo.

É sempre bom saber conhecer sobre as iluminações de emergência, mas tenha a certeza de que a sua luminária atenda às especificações do projeto.

Além de garantir o seu AVCB, certamente você está garantindo que a iluminação de emergência cumpra corretamente a sua função de salvar vidas e proteger as pessoas.

Gostou do conteúdo? Deixe seu comentário e sugestões de conteúdo aqui embaixo.

Nos siga no Facebook e Instagram também para ter acesso a conteúdos rápidos e bastidores da Zeus do Brasil.

Deixar uma resposta